Anel de fogo do Pacífico está mais ativo do que nunca. Terremoto no Peru é o maior do ano

Foram mais de 200 terremotos na Nova Zelândia, Filipinas, Indonésia e Peru

O Anel de Fogo do Pacífico aumentou neste fim de semana com o maior terremoto do ano até agora, registrado no Perú e que chegou a magnitude de 8.0 na escala Richter (Peru M8.0). Foram duas erupções de grandes vulcões e outros quase 200 terremotos no norte da Nova Zelândia.

O vulcão Monte Sinabung, no norte de Sumatra, explodiu durante a noite anterior, gerando uma nuvem de cinzas que possivelmente subiu para 15 km de altitude (50.000 pés). A altura da núvem foi estimada pelo VAAC Tokyo usando imagens de satélite. Desviou-se rapidamente e dissipou-se nas direções do sul.

Ontem, no feroz rugido do colosso, o vulcão Agung irrompeu novamente na ilha de Bali, na Indonésia. O vulcão Agung lançou lava e rochas a uma distância de cerca de 3 quilômetros, com cinzas caindo em dezenas de aldeias, disseram autoridades. Segundo a Reuters, as autoridades tinham 50 mil máscaras disponíveis como medida de precaução, embora o nível de alerta no vulcão permanecesse inalterado e nenhuma evacuação tenha sido feita.

Grande terremoto no Peru

Esta manhã, um forte terremoto de magnitude 8,0 atingiu o norte do Peru, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, onde o terremoto de “profundidade intermediária” de 110 quilômetros foi sentido em todo o país. mesmo a centenas de quilômetros de distância, na capital de Lima, informaram autoridades locais.

Vários terremotos na Nova Zelândia

Um número grande de terremotos abalou a Ilha Branca, na Nova Zelândia, com 196 terremotos de diferentes magnitudes registrados desde quinta-feira. Isla Blanca, ou Whakaari, fica a 50 km da costa de Whakatane e é um vulcão marinho ativo. A vulcanologista da GeoNet, Natalia Deligne, confirmou que este vários de terremotos começaram na quinta-feira e nas últimas 24 horas a taxa e magnitude aumentaram.

Na sexta-feira, o Instituto Filipino de Vulcanologia e Sismologia (Phivolcs) registrou 14 terremotos vulcânicos durante uma observação de 24 horas do vulcão Taal em Batangas. Além disso, de acordo com as medições de campo de Phivolcs de 16 de maio, o setor oeste do lago da cratera do vulcão Taal produziu um aumento na temperatura da água de 32,2 graus Celsius (° C) para 33 ° C, uma diminuição o nível de água de 0,18 metros para 0,08 metros, e diminuir a acidez de pH 2,87 para pH 2,83.

 

Fonte: Alertageo.com




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.