Em outro acidente no Beach Park, turistas contam como sobreviveram

O acidente em um toboágua no parque aquático Beach Park, que vitimou o radialista Ricardo Hill, 43, nesta segunda-feira (16), não foi o primeiro problema ocorrido em um dos brinquedos do parque aquático neste ano.

Em janeiro, um grupo de turistas viveu momentos de tensão e chegou a ter que furar boias para escapar de um acidente em janeiro no parque aquático, que fica na região metropolitana de Fortaleza.

Em mensagens deixadas no site Tripadvisor, os turistas relataram problemas no brinquedo “Arrepio” e classificaram o problema como um “acidente quase fatal”.

Eles relataram que as boias ficaram entaladas no tobogã, enquanto outras boias eram lançadas do brinquedo, causando uma espécie de engavetamento de boias dentro do toboágua.

“O salva-vidas não sabia o que fazer, a água foi subindo, as pessoas gritando e bebendo água… tivemos que furar as boias com os dentes para não ficar sem ar. Por pouco não morremos afogados dentro do tubo”, relatou em 22 de janeiro um homem chamado Maurício, que afirmou ser um dos envolvidos no acidente.

Ele disse que a água demorou para ser desligada e que os funcionários não faziam ideia de como proceder em caso de emergência: “Foi a pior experiência da minha vida. Meu filho está em choque”, disse.

Um outro turista chamado Francisco relatou o mesmo acidente. Ele disse que aguardava na fila para ir no brinquedo “Arrepio” quando percebeu que haviam várias pessoas presas dentro do toboágua.

Ele disse que a primeira pessoa a sair do toboágua após o acidente foi uma mulher que, muito nervosa, afirmou que usou uma chave do armário para furar a boia e liberar a passagem dentro do tubo.

“As pessoas desciam chorando e nervosas. Por pouco não aconteceu uma tragédia”, afirmou Francisco.

Em nota enviada ao próprio site Tripadvisor, o Beach Park confirmou que houve um bloqueio de fluxo de boias que resultou na parada de alguns clientes na metade do percurso de descida do toboágua.

Afirmou ainda que a interrupção foi solucionada em alguns minutos e que não houve danos graves a clientes ou funcionários do parque.

“Lamentamos o ocorrido e estamos à disposição das famílias para qualquer eventual necessidade. Acontecimentos como este não fazem parte da nossa rotina e as devidas medidas corretivas estão sendo tomadas”, informou o Beach Park em nota. Com informações da Folhapress.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.