Famoso repórter da Record TV é acusado de assédio sexual por 12 mulheres

Gérson de Souza ficou famoso no Programa do Ratinho e depois por suas matérias especiais na emissora

O repórter de TV Gérson de Souza, do programa ‘Domingo Espetacular’, da Rede Record de Televisão, foi afastado pela emissora  acusado de assédio sexual por 12 mulheres e alvo de três boletins de ocorrência na polícia até agora.

Souza permanecerá afastado até 10 de junho, quando entra oficialmente em férias. A emissora de São Paulo só tomará uma decisão definitiva quanto à permanência ou saída do repórter  após o encerramento da investigação policial.

Na última quinta-feira (23), duas jornalistas foram à polícia e afirmaram que sofreram investidas de cunho sexual por parte do repórter. Ontem, sexta-feira, 24 de maio,  mais dez mulheres foram a uma delegacia de São Paulo, mas, nem todas foram ouvidas pela polícia.

Em depoimento à polícia, as funcionárias relataram que o repórter as importunava no ambiente de trabalho com beijos roubados, palavras obscenas e expressões do tipo “você é muito gostosa”. Algumas foram tocadas nos seios e na cintura, de acordo com os relatos.

O outro lado

Em sua defesa, Gérson de Souza nega ter cometido qualquer tipo de assédio. Ele diz que está sendo vítima de revanchismo de uma produtora  com quem teve uma discussão por causa da “qualidade do serviço”.

“Eu reclamei com a chefia da qualidade das pautas dela, era roteiro que não tinha o nome do entrevistado, que não tinha informações”, disse ele . “Estou vendo isso como revanchismo. Tenho certeza de que ela está reagindo a uma observação que fiz sobre a qualidade do serviço dela”, sustenta.

As informações são do site ‘Notícias da TV’




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.