Ibama encontra dois corpos durante inspeção de fauna no rio Paraopeba

O Ibama realizava um levantamento técnico sobre os impactos da tragédia de Brumadinho (MG) na fauna no Rio Paraopeba, quando a equipe de agentes se deparou com dois corpos, de acordo com o Estadão.

O trabalho de busca pelas mais de 200 vítimas da tragédia de Brumadinho que ainda estão desaparecidas passou a utilizar escavadeiras com esteiras similares à de tanques de guerra. São nove retroescavadeiras auxiliando as buscas. As máquinas têm conseguido se movimentar sobre a lama, que ainda está mole em boa parte da área atingida.

Em um barco de pequeno porte, dois agentes do Ibama e um policial militar ambiental faziam uma inspeção visual no rio, na tarde de sábado (02), com o objetivo de coletar informações sobre mortandade de animais. Os corpos foram encontrados numa área central de Brumadinho, presos em vegetações nas margens do Paraopeba.

A área fica a cerca de 7 km de distância do local onde rompeu a barragem da mineradora Vale, no Córrego do Feijão. Com informações do Estadão.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.