LGBTs vandalizam escultura da Reforma Protestante

O monumento Muro dos Reformadores, localizado no Parque dos Bastiões, em Genebra, Suíça, foi vandalizado, informou o site internacional LemanBleu nesta segunda-feira (15). Ativistas jogaram tinta colorida nele, em alusão ao arco-íris, símbolo do movimento LGBT.

As esculturas retratam figuras importantes da Reforma Protestante em Genebra: João Calvino, Guilherme Farel, Teodoro de Beza e John Knox.

Segundo a polícia, ninguém assumiu a autoria do ataque. O conselho da cidade anunciou que abrirá uma queixa criminal.

Fonte: Pleno.News




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.