“Minha mãe orou por mim a vida toda, para que eu voltasse a Deus”, diz Katy Perry

A cantora Katy Perry foi apresentada ao mundo em 2008 através do sucesso “I Kissed A Girl”, que apresentava valores diferentes daqueles que foram ensinados por seus pais, os pastores Keith e Mary Hudson.

No entanto, a artista vem mudando alguns conceitos e se abrindo mais para Deus. “Minha mãe orou por mim a vida toda, esperando que eu voltasse para Deus”, disse Katy na terça-feira à Vogue Austrália.

“Agora que estou com 30 anos, tudo é mais voltado à espiritualidade e bondade do coração”, acrescentou a cantora de 33 anos à edição de agosto da revista.

Keith e Mary, que lideram um ministério neopentecostal na Califórnia, não concordam com as decisões da filha, mas nunca deixaram de amá-la.

No ano passado, a mãe de Katy Perry revelou que quando estava grávida, um evangelista orou por ela e declarou: “Esta criança fará algo grande para Deus”. Quando a cantora tinha nove anos, um ministro profetizou que ela ficaria diante de reis e presidentes.

Katy escrevia canções de adoração quando era mais jovem e tocava na igreja. “Quando ela cantava para o público cristão, a unção de adoração era incrível”, lembra Mary. “As pessoas simplesmente choravam”.

Os Hudsons criaram seus filhos para servir a Deus. Katy, junto com a irmã mais velha e o irmão mais novo frequentavam escolas cristãs. Katy também tentou se tornar uma cantora gospel, mas o álbum cristão que ela lançou em 2001 não vendeu.

Então ela se mudou para Hollywood aos 17 anos e assinou um acordo com uma gravadora secular. Depois de despontar sua carreira em 2008, ela se tornou uma das artistas musicais mais vendidas de todos os tempos.

Embora o nome “Jesus” esteja tatuado em seu pulso, Katy se desviou de sua educação cristã. Como seus pais lidam com essa situação? “Não é fácil. O diabo definitivamente tenta roubar minha alegria. Às vezes eu tenho que lutar contra a depressão”, disse Mary.

No entanto, Mary acredita que se você quer que seus filhos vivam para Deus, “você precisa ficar feliz e permanecer debaixo da proteção de Deus”. “É como quando um avião decola em uma tempestade. O trovão e o raio podem estar em fúria, mas quando você atinge 9 mil quilômetros de altura, pode ver que o sol sempre está brilhando”, comentou.

Fonte: Ronie e Jesus




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.