Mulher dá à luz na recepção de hospital público após esperar por 1 hora

Uma grávida aguardou mais de uma hora para ser atendida do Hospital Municipal Pedro II, em Santa Cruz, Zona Oeste do Rio, mas acabou dando à luz sozinha no chão da recepção. Funcionários da unidade informaram ao jornal ‘Extra’ que não havia médico nem equipe de enfermagem durante o plantão deste domingo (9).

Segundo a reportagem, os funcionários estão com o salário de novembro atrasado e ainda não há previsão para o pagamento do 13º. Por isso, o número de ausências nos plantões tem sido alto. Neste domingo, o hospital contava apenas com recepcionista, maqueiro e segurança.

“Quando chegava alguém grave, a recepcionista ficava chamando a técnica de enfermagem. A palavra que resume a situação, neste domingo, no Hospital Pedro II é caótico. E se continuar sem pagamento, a tendência será só piorar”, contou um funcionário, que preferiu não ter o nome divulgado por medo de represália.

Funcionários do hospital informaram que o recém-nascido foi levado para a UTI neonatal do Pedro II. A mãe e o bebê passam bem.

Em nota, a direção do Hospital Pedro II disse que a “gestante chegou ao hospital no período expulsivo do trabalho de parto, sem que houvesse tempo para que fosse levada ao centro obstétrico”.

“Na hora em que a mãe estava aguardando atendimento, quatro médicos obstetras estavam na unidade atendendo outras gestantes, além de três pessoas da equipe de acolhimento”, diz o comunicado.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.