Ponte Preta e Atlético-GO se enfrentam em ‘duelo de primeira’

Com campanhas de altos e baixos, Ponte Preta e Atlético-GO se enfrentam neste sábado, às 16h30, no Nabi Abi Chedi, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro Série B. Rebaixados para a segunda divisão em 2017, paulistas e goianos lutam para se aproximar do G-4 e sonhar com o retorno à elite do futebol brasileiro na próxima temporada.

Com sete pontos, a Ponte Preta ocupa a 10ª colocação e vem de empate na última rodada. A Macaca enfrentou outra equipe goiana: o Vila Nova, onde empatou sem gols no último domingo, no Serra Dourada. Já o Atlético-GO também ficou no empate e não balançou as redes, mas contra o Londrina, no Olímpico. O Dragão ocupa a 11ª colocação, também com sete pontos.

Pela Ponte Preta, Doriva não poderá com o lateral Orinho, que voltou a sentir dores na coxa esquerda. Para seu lugar, o volante Marciel vinha sendo improvisado, mas tem a concorrência de Danilo Barcelos para o setor. O treinador revelou que só tomara a decisão momentos antes da bola rolar.

– Só vou decidir momentos antes do jogo, mas essa é uma alternativa. O Danilo pode jogar na linha de trás e posso utilizá-lo de início ou durante a partida, se a equipe precisar ser mais ofensiva. Independente da peça, tem que fazer um jogo mais ofensivo para tomar iniciativa. Queremos essa vitória para manter a sequência positiva e trazer mais confiança para todo o grupo – disse.

Já no Atlético-GO, o técnico Cláudio Tencati não contará com William Alves, com tendinite no joelho, Tomas Bastos, suspenso pelo STJD após a expulsão contra o Coritiba e Tito, envolvido em briga judicial com o Confiança. O treinador lamentou os desfalques e pretender mudar a formação contra a Ponte Preta.

– A gente já tinha umas ideias depois da partida contra o Londrina. Tivemos um processo de lentidão em dois jogos. O William Alves já não estava suportando os 90 minutos por causa da questão física. Estava com sobrecarga no joelho. O Tito é nossa referência, mas às vezes estávamos perdendo o contra-ataque. Infelizmente eles saem do time de uma maneira que a gente não queria, mas felizmente já tínhamos testado outra formação – declarou.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.