Que vergonha! Marmanjos arrancam das mãos de criança camisa jogada para ela; veja vídeo!

Um dia depois do choro por ter machucado o braço ao tentar pegar uma camisa do Atlético-MG arremessada por Alerrandro à arquibancada do Mineirão depois da vitória do Galo sobre o América-MG por 3 a 2, o garoto Gabriel Gonzaga, de 10 anos, teve uma tarde de alegrias. O choro, desta vez, foi de satisfação.

No Globo Esporte MG desta segunda-feira, o garoto teve um encontro surpresa com o atacante do Galo. Além de ver o jogador de perto, Gabriel ganhou das mãos do centroavante uma camisa atleticana, com o nome e o autógrafo de Alerrandro.

O garoto e o pai, Leonardo Pereira, são da cidade de João Pinheiro, no interior de Minas Gerais, a 400 quilômetros de Belo Horizonte. Eles viajaram à capital mineira justamente para acompanhar o clássico contra o América, no Mineirão.

Alerrandro foi o personagem do jogo. Ele fez dois gols, sendo o segundo aos 45 minutos do segundo tempo, dando a vitória ao Atlético-MG e, consequentemente, garantindo ao time a liderança da primeira fase do Mineiro.

Depois da partida, o atacante comemorou bastante e deu uma “volta olímpica” no Mineirão, acompanhado pelo lateral-direito Guga. Após fazer a festa, Alerrandro foi deixar o gramado o rumo ao vestiário, quando decidiu jogar a camisa para os torcedores. Gabriel Gonzaga a segurou, mas outros torcedores puxaram, o que gerou confusão, momento em que o garoto machucou o braço e ficou chorando.

Apesar da confusão, Gabriel ficou com a camisa arremessada por Alerrandro. A camisa, no entanto, ficou danificada em função dos puxões dos outros torcedores.

Veja o momento em que ele teve a camisa arrancada de suas mãos:

E o encontro surpresa dele com o jogador Alerrandro:

Fonte: Globo Esporte




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.