São mortes invisíveis que todos sabem onde acontecem

Segundo levantamento de ONG, Brasil foi o líder em morte de ambientalistas no ano passado. A maior parte das mortes estão ligadas ao combate ao agronegócio. Os assassinatos são previsíveis. Pará, Mato Grosso e Maranhão continuam sendo área de grilagem e muita violência. As informações são da CBN.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *